Quais os cuidados que devem ser tomados ao fazer o câmbio pela internet?

Quais os cuidados que devem ser tomados ao fazer o câmbio pela internet?

Há muito tempo que a internet vem facilitando a vida dos viajantes. Pela rede, é possível concretizar a compra de passagens, reservas de hotéis, aluguéis de carro e tudo mais que diz respeito à viagens, sejam elas nacionais ou internacionais. Agora, essas questões podem ser resolvidas diretamente de sua casa e sem haver a obrigatoriedade de uma agência de turismo intermediando todas as operações.

Além disso, outra opção que a internet trouxe foi a possibilidade de fazer câmbio pela web. Uma verdadeira mão na roda já que, toda vez que a moeda baixar, não precisamos nos deslocar até um banco, agência ou casa de câmbio para fazer a troca.

No entanto, o que parece um mundo de mil maravilhas pode se tornar um verdadeiro pesadelo na vida de um viajante. Apesar de existirem inúmeros portais confiáveis, há também aqueles fraudulentos, que podem levar ladeira abaixo o velho sonho de uma viagem internacional.

Quer saber o que fazer pra fugir de ciladas como esta? Então acompanhe, no artigo de hoje, as dicas que preparamos para fazer o câmbio pela internet.

4 dicas para não cair em golpes de câmbio

#1. Desconfie de preços muito baixos

Isto é muito comum – e não só quando falamos do câmbio. Os portais colocam, na internet, o preço lá embaixo para atrair clientes – que acreditam estar ganhando vantagem pelo valor mais baixo. Mas, geralmente, estes são portais fraudulentos que, além de não entregarem o que prometem, ainda roubam seus dados bancários e senhas por meio de hackeamento.

Se a cotação oficial está em R$3,25, por exemplo, muito dificilmente alguém poderá te oferecer, mesmo que na internet, por R$3,00. Fique atento!

#2. Pesquise muito antes de entregar seu dinheiro

Hoje em dia, existem diversos portais que oferecem um grande panorama sobre a reputação de sites e empresas. O Reclame Aqui é um deles. Pesquise muito sobre possíveis queixas que tenham sido feitas sobre o portal ou empresa com a qual você está cogitando negociar. Quanto mais reclamações ela tiver, mais desconfiado você deve ficar.

Ah, e esta dica vale para todas as compras que você fizer pela internet, viu? Inclusive de passagens, pacotes, etc.

#3. Fique atento à procedência do Dólar

Existem, no Brasil, casos de pessoas que compraram notas de dólar falsificadas, por isso, é muito importante conhecer a corretora que vai te fazer o delivery desta moeda e, também, fazer uma verificação manual para saber se a nota é falsa ou verdadeira.

#4. Fique de olho nos certificados do Site

Se ele não possuir nenhum é porque algo está errado, muito errado. Os portais que efetuam transações financeiras na internet apresentam selos, como:

  • De alguma empresa que garanta segurança do site;
  • Do Banco Central;
  • Em alguns casos, o selo de Certificado Digital.

Além de pesquisar sobre a reputação da empresa, procure informações na internet, como: existem parceiros renomados? Qual foi a experiência de compra das pessoas? Esta empresa é conhecida, já saiu na mídia? Somente assim você terá a certeza que está fazendo um bom negócio e que, além disso, não será logrado na hora de comprar a moeda estrangeira.

//]]>