Como Aprender Idiomas: 5 aplicativos para aprender de graça

Como Aprender Idiomas: 5 aplicativos para aprender de graça

Com um mercado de trabalho cada vez mais competitivo, aprender idiomas deixou de ser um luxo para se transformar em um item de primeira necessidade.

Para concorrermos a uma vaga de trabalho, ingressar em um curso de pós-graduação ou mesmo tentar uma promoção na carreira conhecer um segundo idioma é fundamental.

Fora do campo profissional, dominar o inglês, por exemplo, nos permite ampliar nosso círculo de amizades, conhecer ícones da cultura de outros países e aprofundar nosso conhecimento sobre diversos temas.

Entretanto, apesar desta importância, muitas pessoas ficavam de fora desta realidade, por não possuir condições financeiras para arcar com as mensalidades de uma escola de idiomas.

E, para piorar, o ensino de uma segunda língua em escolas do ensino público deixa muito a desejar, colocando estes alunos em clara desvantagem contra aqueles vindos de instituições privadas ou que tenham passado por salas de aula de cursos especializados.

Com a popularização da internet, diversos aplicativos surgiram para tornar esse aprendizado mais fácil e acessível a todos. Pensando nisso, elaboramos uma lista com cinco aplicativos para aprender idiomas sem precisar colocar a mão no bolso.

Aplicativos para aprender idiomas de graça

Dica 1: Duolingo

Baseado em vocabulário, escrita e compreensão oral, o aplicativo traz um conjunto de lições separadas por temas do dia a dia para quem deseja aprender idiomas de graça.

Um dos mais conhecidos do tipo, o ensino de idiomas acontece em formato de jogo. Ou seja, a cada acerto o estudante avança para um novo nível, com aumento do vocabulário e novas regras gramaticais.

O método de ensino do Duolingo trabalha a memorização, e ele funciona tanto em smartphones como em computadores que utilizam os principais sistemas operacionais, permitindo ao aluno aprender idiomas em qualquer ocasião.

O programa permite ainda realizar testes no aplicativo Test Center. Estes resultados poderão ser incluídos no currículo ou nas redes sociais do usuário.

Dica 2: Hello English

Desenvolvido para usuários do sistema Android, o aplicativo é ideal para quem deseja aprender idiomas, mas não ficar preso na técnica de memorização. Durante os estudos, o aplicativo fornece explicações e dicas ao usuário, tornando o processo ainda mais rico.

Seu funcionamento é muito simples: ao criar uma conta, o usuário define qual seu objetivo – conseguir um emprego melhor, participar de exames, viajar ao exterior, ensinar outros idiomas, etc.

Ao contrário do Duolingo, o Hello English permite que o estudante, ao aprender idiomas com este aplicativo, acompanhe as lições sugeridas de acordo com seu contexto.

A plataforma possui ainda um dicionário embutido e traz inúmeras atividades para que o usuário pratique conversação, leitura e compreensão da língua estudada.

Além disso, o Hello English possui um sistema onde o aluno obtém moedas para desbloquear novos conteúdos à medida que evolui em seu processo de aprendizado.

Dica 3: Lingualeo

Disponível para usuários dos sistemas operacionais Android e IOS, o Lingualeo é o aplicativo recomendado para quem deseja aprender idiomas, mas não fazer apenas lições.

O aplicativo oferece diversos tipos de conteúdos e seções para que o estudante aprenda de acordo com sua vontade.

É possível, por exemplo, assistir vídeos do TED Talk, fazer curso de gramática, ver vocabulários agrupados por temas, treinar expressões e conteúdo em nível difícil e até montar um dicionário pessoal.

O Lingualeo tem como vantagem oferecer uma experiência personalizada para aqueles que desejam aprender idiomas perguntando, por exemplo, idade, gênero, tempo disponível para estudo e quais assuntos são de seu interesse.

O aplicativo permite ainda que o usuário defina uma meta para alcançar o nível de proeficiência desejada e acompanhe como está indo seu progresso.

Dica 4: Upmind

Desenvolvido para dispositivos IOS, o Upmind possui funcionamento semelhante ao Duolingo. Ou seja, o aplicativo se utiliza da técnica de memorização para o interessado em aprender idiomas.

Durante o estudo, o programa permite que o usuário utilize GIFs, jogos ou até cenas de filme para aprender o conteúdo apresentado. O programa permite ainda escolher quais palavras aprender e quanto tempo durarão as lições.

Caso o aluno ache o método de aprendizado mais lento que o esperado, é possível utilizar atalhos para acelerar o processo. O Upmind possui ainda um ranking, onde o usuário adquire mais moedas virtuais à medida que se destaca perante os outros.

Dica 5: LearnEnglish Elementary Podcasts

Desenvolvido para IOS e Android, o LearnEnglish Elementary Podcasts é indicado para os usuários que desejam aprender idiomas, mas já tem conhecimento em algum deles.

Criado pelo British Council, é indicado para treinar a compreensão do estudante por meio de uma série de episódios, que podem ser baixados e escutados em qualquer lugar.

O aplicativo tem como vantagens funcionar off-line e possuir um sistema de transcrição dos Podcasts, permitindo que o usuário acompanhe o que é dito. O aplicativo permite ainda alterar a velocidade do áudio, caso a pronúncia esteja rápida demais.

Ao final da audição de cada podcast é possível fazer um teste para que o aluno descubra como está seu grau de aprendizado.

Como estudar inglês online?

Para que seja eficaz, aprender idiomas utilizando aplicativos requer disciplina, tanto ou até mais do que o cobrado por aqueles que estudam em grupo ou com a ajuda de professores particulares.

Uma dica importante para quem utiliza este método de ensino é escutar tudo no idioma que esteja praticando, para que seu cérebro se acostume com o som das palavras e assimile mais facilmente o que está sendo ensinado.

Assistir filmes na língua desejada é outro bom conselho para quem deseja aprender idiomas com a ajuda de aplicativos, pois esta atividade torna o estudo menos cansativo.

Participar de grupos virtuais, com alunos que estejam praticando a mesma língua que você é uma boa alternativa para colocar em ação tudo o que o aplicativo estiver lhe ensinando.

Converse com estas pessoas em aplicativos de bate-papo via celular ou computador, sempre no idioma que está estudando e, se possível, defina um tema diário para suas conversas, a fim de concentrar os estudos.

Criar planos de estudos pode ajudar aqueles que utilizam aplicativos para aprender idiomas. Escolha um local tranquilo, reserve um tempo diariamente para que você possa se dedicar exclusivamente ao aprendizado.

Faça anotações com suas principais dúvidas, pesquise e refaça os níveis onde não sentir segurança sobre seu aprendizado. Retire dos módulos presentes no aplicativo tudo o que puder.

Antes de baixar um aplicativo para aprender idiomas, pesquise a metodologia de ensino do programa, leia críticas sobre o sistema e faça um teste antes de se aplicar para valer no estudo.

Se sentir que não se adapta ao método utilizado, apague o programa e busque aquele com que mais se identificar. Gastar tempo forçando-se a aprender idiomas com um aplicativo com o qual não se familiarize será apenas perda de tempo.

E, principalmente, não desista. Embora seja mais fácil e até mesmo divertido do que os métodos convencionais, aprender idiomas utilizando um aplicativo pode não ser uma tarefa simples para algumas pessoas, que tem dificuldades para se concentrar.

Mantenha-se focado, crie objetivos e não desista diante da primeira dificuldade que surgir. Crie um sistema de recompensas para você, procure se manter estimulado e projete o que conseguirá alcançar quando concretizar seu objetivo de aprender idiomas.

Com todos estes conselhos e os aplicativos que trouxemos aqui, a tarefa de se tornar fluente em outra língua será muito mais fácil.