5 dicas de planejamento para uma viagem internacional

5 dicas de planejamento para uma viagem internacional

Mesmo para os viajantes mais assíduos, planejar uma viagem internacional não é brincadeira. Os detalhes são tantos que qualquer descuido pode resultar em um baita problemão, seja na hora de passar pelo aeroporto, de alugar um carro ou ainda imprevistos com a reserva.

Calma, não é nada impossível de ser feito sozinho, mas que exige atenção redobrada. No texto de hoje elencamos tudo aquilo que você precisa saber para que tudo saia conforme o esperado em sua próxima viagem internacional. Vamos lá?

Os principais cuidados com planejamento de sua viagem internacional

#1. Na hora de reservar as passagens

É muito comum que, na empolgação com a viagem, as pessoas comprem logo de cara as primeiras opções de passagem que pintarem. Mas a verdade é que, com um pouco mais de pesquisa é possível economizar até 50% no valor dos voos.

Uma boa opção é se cadastrar em sites que selecionam passagens promocionais. Assim, você recebe diariamente alertas de voos e consegue obter os melhores valores.

#2. Cuidado com a escolha da acomodação

Imagens na web podem enganar, e muito! Por isso, antes de reservar um quatro de hotel, em um hostel ou mesmo uma hospedagem no Airbnb, procure pelas avaliações dos usuários. Somente assim você saberá se aquelas imagens e descrições realmente correspondem à realidade.

Ah, e aqui vale a mesma dica dos voos. Quando você se cadastra em sites de preços promocionais em hospedagem, acaba encontrando as melhores opções.

#3. Documentação necessária

Este passo do planejamento é fundamental, afinal, cada destino exige um tipo de documentação específica. Por exemplo, para entrar em qualquer um dos países do Mercosul é preciso apenas apresentar o documento de identidade atualizado. Em outros países, como os da Europa, por exemplo, apenas o passaporte é exigido. Já em outros, como os Estados Unidos, é preciso ter em mãos o passaporte mais o Visto de Entrada (seja ele de turismo, estudos, negócios, etc).

É preciso fazer muita pesquisa para não esquecer nada na hora de entrada, pois, qualquer confusão neste momento pode impedir sua permanência no país.

#4. Vacinação em dia

Da mesma forma que os documentos, existem alguns países que também exigem vacinação em dia para entrada, especialmente a vacina contra a febre amarela. Os países que geralmente exigem esta prevenção, são:

  • China;
  • Costa Rica;
  • Camboja;
  • Egito;
  • Equador;
  • Guatemala;
  • Índia;
  • Madagascar;
  • Nepal;
  • África do Sul;
  • Vietnã.

Para comprovar que você está vacinado, deve apresentar no aeroporto o Certificado Internacional, uma espécie de carteirinha de vacinação internacional.

Por fim, a dica aqui é: pesquise bastante sobre o país que vai conhecer e certifique-se se ele exige algum tipo de vacinação específica, e se sim, quais.

#5. Planejamento financeiro

Como você já deve ter visto aqui no blog, é fundamental ter um ótimo planejamento financeiro para que você não perca dinheiro na hora de trocar seus reais pela moeda do país que vai conhecer, especialmente quando se trata de moedas que variam muito, como o dólar.

Primeiro, pesquise pelas menores taxas de câmbio para comprar dólares online. Segundo, acompanhe a cotação diariamente por algum tempo. E terceiro, vá trocando seu dinheiro pouco a pouco. Assim, as chances de economizar muito são maiores.

Ah, e se você tem alguma dúvida sobre como levar dinheiro para a sua viagem internacional, leia este post!

Com um planejamento cuidadoso e completo, você consegue aproveitar sua viagem sem imprevistos e com um orçamento maior.

E se precisa de um parceiro para cuidar do câmbio, conte com o Bidollar, um portal que oferece cotações em tempo real e as melhores taxas do mercado!

Dê seu comentário, compartilhe chame seus amigos para começarem a economizar no bidollar.com!

Nossa missão é desburocratizar o mercado de câmbio. Gostou do nosso post dá um like na página, comenta. Curta o Facebook e Instagram. 🙂